terça-feira, 24 de dezembro de 2013
32

[RESENHA] Deixe a Neve Cair - John Green, Maureen Johnson, Lauren Myracle

Lido em: Dezembro/2013
Título: Deixe a Neve Cair
Autores: John Green, Maureen Johnson, Lauren Myracle
Editora: Rocco Jovens Leitores
Categoria: Literatura Estrangeira / Romance
Ano: 2013
Páginas: 336
ISBN: 9788579801754
Skoob
Muito bom!





Sinopse: Na noite de Natal, uma inesperada tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio para insuspeitos encontros românticos. Em Deixe a neve cair, bem-sucedida parceria entre três autores de grande sucesso entre os jovens, John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle escrevem três hilários e encantadores contos de amor, com direito a surpreendentes armadilhas do destino e beijos de tirar o fôlego. Comédia romântica com a assinatura de um dos maiores bestsellers da atualidade, o livro é o presente de Natal perfeito para os fãs de John Green e de histórias de amor e aventura.

Biografias: John Green cresceu em Orlando, Flórida, a uma pequena distância da Disney World. Se mudou para Ohio para cursar a universidade, onde estudou Inglês e Religião. Por vários meses após se graduar, John trabalhou como capelão em um hospital infantil. Enquanto estava lá, teve a inspiração para escrever seu primeiro romance, Quem é você, Alasca?, que se tornou um bestseller nos Estados Unidos e ganhou muitos prêmios literários, como o Michael L. Printz Award nos EUA e o Silver Inky Award na Austrália. O segundo romance de John, An Abundance of Katherines, foi publicado em 2006 e se tornou finalista do Los Angeles Times Book Prize e também nomeado livro de honra do Michael L. Printz. Paper Towns, publicado nos EUA em 2008, estreou em quinto lugar na lista dos mais vendidos do The New York Times e ganhou o Edgar Allan Poe Award pelo melhor romance de mistério. Em 2009, Paper Towns foi eleito em primeiro lugar por mais de 11 mil leitores no Top 10 dos Adolescentes da American Library Association.

Maureen Johnson* faz parte de um grupo não oficial de autores YA bem estabelecidos em Nova York, incluindo Scott Westerfeld, John Green ( que já não vive em Nova York) , Justine Larbalestier , Holly Black , Libba Bray, Cassandra Clare , Lauren Myracle e outros. Ela também foi um participante ocasional e uma "irmã secreta" em John e projeto de Hank Verde Brotherhood 2.0, e é responsável por iniciar a piada " em suas calças " freqüentemente utilizado durante todo o projeto. Ela substituiu John brevemente no canal enquanto ele estava ausente em licença de paternidade em 2010. Ela se referia a si mesma como " a segunda mais bonita irmão Green."
Suíte Scarlett, o primeiro livro da série " Suíte Scarlett ", foi publicado pela Scholastic em maio 2008. O segundo livro, Scarlett Febre, foi lançado em 1 de fevereiro de 2010. Johnson está escrevendo uma continuação de seu romance 2006 13 Envelopes Little Blue, que será intitulado The Last Little Blue Envelope. Em 27 de novembro de 2009, Johnson tornou-se um New York Times autor best-seller quando Let It Snow :  Três férias Romances , um livro que ela co-escreveu com John Green e Lauren Myracle em 2008, chegou a número dez na lista Paperback das Crianças. 
Johnson também foi um roteirista para as versões de Nintendo DS e PSP do Harry Potter e o jogo de vídeo Enigma do Príncipe .

Lauren Myracle* é uma autora jovem adulto. Ela nasceu em 15 de maio de 1969 em Brevard, Carolina do Norte, é a mais velha de três irmãs e tem três irmãos mais velhos. Ela cresceu em Atlanta, Geórgia, onde frequentou a Escola da Trindade e as escolas de Westminster. Myracle ganhou um BA em Inglês e Psicologia da Universidade de North Carolina em Chapel Hill, onde foi introduzido Phi Beta Kappa. Depois disso, trabalhou por algum tempo como professor do ensino médio em Gwinnett County, Georgia e participou do Programa JET no Japão. Myracle ganhou mais tarde um mestrado em Inglês pela Universidade Estadual do Colorado, onde lecionou por dois anos e um mestrado em escrita para crianças e jovens de Vermont College. Ela tem escrito vários romances, incluindo o best-seller "IM" livros, ttfn cvd, e l8r, g8r. Seu livro "Treze Plus One"foi lançado 04 de maio de 2010. Myracle irmã, Susan Rebecca White, escreve ficção adulta, incluindo "South Bound"(2009) e "A Soft Place to Land" (2010).
*Não encontrei biografias de Maureen Johnson e Lauren Myracle em português, essas foram traduzidas pelo Google Tradutor.


Na véspera do Natal, nada mais propício do que uma resenha sobre um livro de contos de Natal. =)
São três contos, escritos por autores diferentes. Três histórias diferentes, porém interligadas entre si, em determinados momentos.

É um livro agradável de ler, ainda mais nessa época do ano. Alegrias, conflitos, aventuras e aquela esperança típica natalina compõem as histórias, tornando a leitura divertida e leve. Li em dois dias.

Vamos aos contos:

1- O Expresso Jubileu (Maureen Johnson)

Narra a história de Jubileu, uma adolescente que namora Noah (por quem é apaixonada e o  acha perfeito), e em plena noite de Natal se vê obrigada a ir para a casa dos avós na Flórida, pois seus pais se metem em uma confusão e acabam presos. O que ninguém espera é que, devido a uma forte nevasca, em determinado momento, o trem é impedido de seguir viagem, pelo menos até o próximo dia. A partir de então a história se desenvolve.

“Eu sei que ninguém é perfeito, que por trás de toda fachada de perfeição há uma confusão distorcida de subterfúgios e arrependimentos secretos... mas, mesmo considerando isso, Noah é basicamente perfeito.” Pág. 23

“Senti-me tão sozinha naquele trem... um “sozinha” esquisito, meio antinatural, que cresceu em mim. Era algo um pouco além do medo, em algum lugar à esquerda da tristeza. Cansada, mas não o tipo de cansaço que o sono conserta. Estava escuro e deprimente, mas não parecia que as coisas melhorariam se as luzes fossem acesas. Isso só serviria para visualizar melhor a situação desagradável.” Pág. 24

“(...) e os primeiros flocos de neve começaram a cair. Eu sabia que eram lindos, mas saber que algo é lindo e se importar com aquilo são duas coisas muito diferentes, e eu não me importava.” Pág. 25

“Fugir é bem patético, mas ser pega é bem pior. (...) Pelo modo como os músculos da minha mandíbula estavam repuxando as orelhas, tenho certeza de que ficou mais parecida com minha expressão ‘tive um derrame!’” Pág. 114

“Eu havia sido rastreada, com um urso.
(...) Um urso muito incapaz.” Pág. 115

Narrado por Jubileu, este é sem dúvida, o meu conto preferido, e com certeza o mais fofo. A escrita de Maureen é divertida e agradável. Nunca tinha lido nada da autora, gostei bastante.


2- O Milagre da Torcida de Natal (John Green)

História de três amigos, Tobin, JP e Duke (que por acaso, é uma menina), que estão assistindo filmes, sozinhos na casa de Tobin, pois seus pais estavam em outra cidade, impedidos de voltarem para casa devido à nevasca. Em determinado momento, recebem a ligação de um amigo que trabalha na Waffle House, informando que o local está cheio de líderes de torcida, que ficarão pelo menos até o dia seguinte, pois estão impedidas de seguir viagem, devido à nevasca que parou o trem em que estavam. Tobin e JP se desesperam para ir para a Waffle House, e resolvem arriscar a sair na nevasca (motivados pelas líderes de torcida), Duke os acompanha. E quando saem, começa a aventura.

“- Momentos de desespero demandam medidas desesperadas – respondeu ela. “ Pág. 145

“É um desastre tão grande sempre que, no curso dos relacionamentos humanos, alguém começa a destruir a parede que separa amizade e beijo. Quebrar essa parede é o tipo de história que poder um meio feliz –ah, veja, quebramos essa parede, vou enxergar você como uma garota, e você vai me ver como um garoto, e nós vamos brincar de um jogo legal chamado "posso colocar a mão aí e aí e aí”. E às vezes esse meio feliz parece tão incrível que você pode se convencer de que não é um meio, mas durará para sempre.(...) uma vez que você pensa um pensamento, é extremamente difícil “despensar”. E eu tinha pensado o pensamento.” Pág. 185

“E quando Duke sorriu para ele em solidariedade, eu, mais uma vez, pensei o pensamento “indispensável”.” Pág. 197

“- Eu sempre tive a opinião de que não se deve nunca desistir de um meio feliz na esperança de um final feliz, porque não existem finais felizes. Sabe o que quero dizer? Há tanto a perder.” Pág. 200

“- É? Legal. Então, legal. E daí se mais neve torna o final feliz menos provável? E daí que o carro acaba estragado, e daí? (...) Eu já beijei garotos sem arriscar nada, e tudo o que isso me fez foi querer beijar alguém com quem tudo...Olhei para ela na hora do ‘sem arriscar nada’ e esperei até o ‘tudo’ e não puder mais esperar...” Pág. 201

Narrado por Tobin, este, com certeza, é o que tem mais aventura e é o mais engraçado, me fez rir bastante. No início achei meio entediante, a leitura meio que se arrastou, mas depois melhora consideravelmente. Porém, ainda assim, me decepcionei. Por ser de John Green (sou fã!), eu esperava mais. Senti falta daquele “toque” que só ele sabe dar.


3- O Santo Padroeiro dos Porcos (Lauren Myracle)

Mostra o depressivo Natal de Addie, uma adolescente que está triste após o conturbado rompimento com seu namorado Jeb. Addie tenta consertar as coisas, porém antes precisa se conhecer, enxergar seus defeitos, para então poder resolver as coisas. Na verdade, este conto é mais sobre ela mesma, do que seu relacionamento com Jeb. Ela enxerga que é uma pessoa egoísta e então passa a ver todas as coisas que precisa mudar em si mesma.

“Então, é claro que eu sentia pena de mim mesma: eu era uma galinha rosa depenada, autodepreciativa e com o coração partido.” Pág. 208

“(...) eu estava com um garoto que eu amava e queria que as coisas fossem perfeitas entre nós, mas não conseguia fazer tudo sozinha. E, se isso me tornava uma namorada bebê chorona, dane-se.” Pág. 219

“Arrepios dispararam pela minha coluna, porque qualquer frase que combinava ‘eu amo você’ com ‘mas’ não podia ser boa.” Pág. 249

“(...) Sentia como se estivesse tateando à beira de um enorme abismo, mas o abismo era em mim mesma. Eu não queria olhar para baixo.” Pág. 279

“(...) Aquele era apenas o Dia dos Malucos. Aparentemente, todo mundo havia comido bolo de frutas com rum demais.” Pág. 282

“- Adeline, você torna as coisas muito mais difíceis para si mesma do que precisa – falou ela.  – Garota bobinha, não é o que o universo nos dá que importa. É o que nós damos ao universo.” Pág. 322

Narrado por Addie, este é o mais dramático e reflexivo dos três. Com uma carga emocional intensa. À princípio você pode achar que é apenas mais uma história de adolescente problemático, mas na verdade, este conto é uma lição de vida. Foi a primeira vez que li algo da Lauren, e gostei bastante da maneira como ela escreve. É no final deste conto, que todos os personagens dos outros contos, se encontram.



Achei bacana, corajosa e inovadora a ideia de três autores escrevendo histórias que se interligam. Interessante ver os personagens interagindo entre as histórias.
Recomendo!

Beijos.






32 comentários:

  1. Que legal, eu não sabia que esse livro era feito de contos! Estou louca por ele.
    Sua resenha ficou muito boa mesmo, parabéns! Um Feliz Natal, tudo de bom!

    depoisdeumlivro.blogspot.com
    espero sua visita (:

    ResponderExcluir
  2. Todo mundo comenta desse livro e as opiniões são mais ou menos parecidas: o conto do John Green é o mais chatinho. O que me deixa meio triste, porque eu estava a fim de ler principalmente pelo conto dele. Contudo, como você falou que os outros dois são legais, acho que vou dar uma chance. Pena que não vai dar tempo de ler para o Natal...

    Beijos,
    Livro de Unicórnios

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Julia,
      Então, eu li principalmente por causa do John..rs. Coloquei muita expectativa e acabei me frustrando um pouco.Mas o livro é bom, vale a pena dar uma chance, sim.
      beijos

      Excluir
  3. Que lindo flor! Não conhecia esse livro e nem sabia que era de contos de natal! E sendo John Green deve ser maravilhoso! hahaha
    Passei para te desejar também um Natal maravilhoso, especial e repleto de livros! haha
    Beijão! s2

    ResponderExcluir
  4. Oi Li!

    Tal como você achei o conto do Green mais fraco mas no geral o livro é bem fofo *-*

    Adorei o look do blog muito bom!

    Beijos,
    Mafi

    http://algodaodoceparaocerebro.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  5. Passando para desejar um Maravilhoso Natal e muito Sucesso!
    Beijos
    PS:Nova Parceria do Blog Overdose Literária com a Autora A. C. Meyer!!
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/12/nova-parceria-do-blog-overdose.html

    ResponderExcluir
  6. Oie!

    A diagramação foi caprichada!

    Feliz Natal!

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Estou com muita vontade de ler esse livro!

    Beijos
    Blog - Página - Instagram



    ResponderExcluir
  8. Quero ler! Eu já conhecia este livro antes mesmo de ser lançado no Brasil e quando lançou fiquei entusiasmada, porém não o comprei. Mas assim que puder, já estarei com eles em mãos!

    Beijos,
    http://adoravelsasarete.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu nunca li livros de contos e esse parece ser muito bom, fiquei curiosa com essa resenha.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bom mesmo, Denise.
      Se tiver a oportunidade, leia. =)
      beijos

      Excluir
  10. Amei a resenha! Eu estou LOUCO para ler esse livro desde que saiu a notícia do lançamento. Uma pena que todo mundo fala que o conto do John Green é o mais fraquinho do livro :c
    Beijos,
    http://umviciadoemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então... eu comprei o livro principalmente por causa do John, e me decepcionei com o conto dele. Mas o livro não deixa de ser bom!
      beijos

      Excluir
  11. AI MEU DEUS
    Eu quero ler! Fiquei mortalmente louca para ler na verdade, e tudo graças aos seus comentários!

    Ana P.M. ♛ Queen Reader - Venha conhecer o Castelo!
    http://booksandcrowns.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Ahh que legal! *--* Adoro histórias natalinas, justamente por ser essa minha época favorita no ano. Agora o Natal já passou, mas ano que vem, quero ler esse livro bem nessa época. hehehe Deve ser ótimo mesmo!
    Beijos, Lery. :D

    ResponderExcluir
  13. Terminei de ler ontem... O primeiro conto também é meu preferido. Esse entrelaçamento de histórias me lembrou muito filmes como Simplesmente amor, nunca tinha visto isso em livros e gostei bastante.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também achei bem interessante as histórias interligadas!
      beijos

      Excluir
  14. Me deu vontade de ler, oh God, haja dinheiro hahaha
    Eu indiquei seu blog para participar das Metas Literárias, dá uma olhada: http://booksandreader.blogspot.com.br/2013/12/metas-literarias.html
    Obrigada, bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela indicação!
      Logo postarei as metas! =)
      Beijos

      Excluir
    2. Eu só li "A culpa é das estrelas" do John Green, mas o "Deixe a Neve Cair" já está na minha lista de próximas leituras.
      Parabéns pelo blog.

      >> http://minhavidanaestante.blogspot.com.br

      Excluir
  15. Aah eu adorei esse livro, e como você o primeiro conto foi o meu favorito e eu adorei o terceiro conto pelo fato de todos os personagens se interligarem no final, achei que dessa forma tudo ficou mais divertido e gostoso, pena que foi bem no finalzinho :/ E com certeza, tudo fica mais gostoso por ser época de natal <3
    Parabéns pela resenha e pelo blog.

    Abraçoos!

    https://cantodelivros.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  16. Oi Li!
    Eu ia ler no Natal passado, só que estava lendo um monte de livros e não deu pra me acabar a tempo de ler este.
    Vou ler este ano. Aliás, vou tentar fazer tipo um especial de Natal, onde eu leio vários livros com este tema!!
    Eu amei a capa !!!
    Beijocas!!
    umlugarparaleresonhar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Eu simplesmente A.M.O esse livro!
    Ele é minha pequena tradição de natal, sempre leio no fim do ano,e na verdade é um dos únicos livros que gostei sobre o natal.
    O primeiro conto também é o meu preferido, a escrita da Maureen é realmente muito divertida!
    Parabéns pela resenha e pelo blog!
    A capa é perfeitaaa!
    Beijos!
    Maah.
    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Quem Escreve

Aline (Li), taurina, turismóloga, paulista de Ribeirão Preto, apaixonada por séries de TV e compulsiva por livros (se estiverem em promoção, então..rs). Amo ler! :)



Colaboradora

Luciana (Lu), Ribeirão-pretana, virginiana e perfeccionista. Cake Design. Danço nas horas vagas por paixão e para relaxar. Amo artesanato, praia, filmes, seriados e claro, livros!

Seguidores

Facebook

Instagram

Editoras Parceiras





Universo dos Livros


Editora Arwen



Astral Cultural


Chiado 

Editora

Butterfly Editora


Mundo Uno Editora

Últimas Resenhas

Total de Visualizações

Acompanhe via E-mail

Classificação

Pesquisar no Blog

Arquivo do blog

Publicidade