domingo, 15 de março de 2015
16

[PROJETO] Pegaí - Leitura Grátis

Olá!
Sempre que conhecemos algum projeto de incentivo à leitura, trazemos a novidade ao blog.
Hoje viemos apresentar um projeto bem bacana, Pegaí - Leitura Grátis, que conhecemos através do professor universitário Idomar Augusto Cerutti.



O Projeto “Pegaí – Leitura Grátis” é uma iniciativa sem fins lucrativos, não governamental, criado na cidade de Ponta Grossa, no Paraná, e mantido por um grupo de pessoas apaixonadas por leitura e que acreditam que os livros não podem ficar guardados na estante, privados de serem lidos, juntando poeira ao invés de disseminar conhecimento.

Idealizado pelo professor universitário Idomar Augusto Cerutti, a proposta do projeto é simples: propõe-se às pessoas que doem, peguem, leiam e compartilhem livros.


Qualquer pessoa, de qualquer lugar do Brasil ou do exterior, pode doar livros. O PEGAÍ aceita a doação de obras do “gênero literário” (poesia, soneto, romance, crônicas, contos, ensaios e todos os tipos de literatura).

As obras recebidas são catalogadas para que seu caminho nas mãos dos leitores seja acompanhado. E se o livro estiver “velhinho”, com as páginas caindo, não tem problema, ele é restaurado. Todas as doações recebidas são disponibilizadas, gratuitamente, para a população com o único pedido de que eles sejam devolvidos, assim outras pessoas podem desfrutar da mesma leitura.


“Eu sempre quis fazer algo assim dentro da universidade, ter um local onde os acadêmicos pudessem deixar livros lidos e pegar outros. Então, em 2013, eu assisti uma reportagem sobre um grupo de motoboys que estava distribuindo livros em praças de São Paulo e pensei: se eles conseguem fazer isso, por que nós não podemos fazer também? Contei para alguns amigos o que tinha em mente e fui estimulado a iniciar o projeto”, conta Cerutti.


A maneira encontrada para transformar esse desejo em realidade foi criar a “Pegada Cultural”, um evento itinerante que ocorre sempre em locais públicos e com grande circulação de pessoas, como terminais de ônibus, feiras, parques, supermercados e escolas. Aproximadamente 200 títulos, dos mais diversos gêneros literários, são disponibilizados em cada “Pegada”. Estes eventos são divulgados através da Fan Page do projeto no Facebook (www.facebook.com/ProjetoPegai). Além disso, algumas estantes fixas estão espalhadas em locais estratégicos da cidade.


Voluntários do PEGAÍ acompanham a estante nas “Pegadas Culturais” com o objetivo de explicar aos leitores como funciona o projeto, motivar a doação de livros e estimular a leitura. Hoje, o projeto tem o apoio de mais de 90 voluntários, pessoas que disponibilizam um pouco do seu tempo para essa ação social.

Os leitores não precisam fazer cadastro algum para poder pegar o livro e ler, e a devolução pode ser feita em vários pontos de coleta espalhados pela cidade de Ponta Grossa.


Fazer com que os leitores entendam a necessidade de devolver os livros ainda é o principal desafio do projeto, mas que foi assumido por todos os envolvidos porque acreditam nessa iniciativa. “Espero plantar uma sementinha nas pessoas. A leitura é muito prazerosa, cria uma sociedade mais crítica, questionadora”, assinala o idealizador do projeto.

Desde julho de 2013, mais de 23 mil livros já foram entregues para os leitores em mais 82 Pegadas Culturais”. 


O PEGAÍ - LEITURA GRÁTIS conta com várias parcerias.

Imagens: Idomar Cerutti


Estantes Permanentes (Locais onde colocamos livros a disposição):
  • Supermercados Tozetto – Filiais: Jardim Carvalho, Oficinas, Uvaranas e Nova Rússia.
  • Correios - Agência Centro;
  • Ponto de Venda da Viação Campos Gerais - Terminal Central da cidade de Ponta Grossa;
  • Agência do Trabalhador;
  • Restaurante Popular;
  • Hemocentro

Pontos de Coleta (doação e devolução de livros):
  • 2o Cartório de Protestos e Títulos - Cartório Carneiro;
  • Agência do Trabalhador;
  • Agro Mathias;
  • Correios - Agência Centro;
  • Conservatório Municipal Maestro Paulino;
  • CREA-PR - Ponta Grossa;
  • Delegacia da Polícia Federal;
  • Odontoponta;
  • Padaria Deguste;
  • Ponto de Venda da Viação Campos Gerais - Terminal Central da cidade de Ponta Grossa;
  • Sesi Ponta Grossa;
  • Supermercados Tozetto – Matriz: Vila Estrela; e Filiais: Jardim Carvalho, Oficinas, Uvaranas, Nova Rússia.
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), nas bibliotecas dos Campi Central e Uvaranas, Hall de entrada do Bloco L e Reitora no Campus Uvaranas.

Quem tiver livros para doar, é só entrar em contato:

Site: www.pegai.info.
Fan Page: www.facebook.com/ProjetoPegai.
E-mail: contato@pegai.info.
Fone: (42) 9917- 4888.

Por um mundo com mais projetos de incentivo à leitura! ;)
Beijos.









16 comentários:

  1. Oiee

    Nossa esses projetos são maravilhosos eu adoro é sempre muito bom divulgar os livros e passar para frente um livro que se encontra parado!

    Parabéns pela iniciativa e que o projeto alcance novos leitores!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  2. Que projeto incrível! Eu sempre quis participar de algo do gênero, porque fico bem triste quando vejo dados que informam que a população brasileira não lê, na média, cinco livros por ano. É lamentável. Acho que isso poderia ser mudado se existissem mais projetos como esse. Estão de parabéns pela iniciativa.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Projeto maravilhoso, uma iniciativa muito importante na sociedade em que vivemos, são muitos livros na estante e pessoas que não podem comprar nem um. O problema é que ainda vai da conciencia de alguns, devolver ou não, isso talvez prejudique um pouco, pois infelizmente ainda existem pessoas que não acham importante a devolução dos livros

    ResponderExcluir
  4. Fico tão feliz com essas iniciativas! Quanto mais acessíveis forem os livros, mais leitores novos!

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  5. Bem legal esse projeto ein, é um ótimo incentivo para novos leitores.
    Tudo que Motiva

    ResponderExcluir
  6. Uma iniciativa muito boa para incentivar a leitura.
    Parabéns ao professor que teve a ideia.
    Precisamos de mais projetos assim.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bom?
    Eu adoro projetos como esse e aqui em Brasília temos alguns bem interessantes. Livros são caros e esses projetos são a oportunidade para muitas pessoas lerem livros bacanas. Além disso, incentiva a troca de livros e isso é ótimo.
    Que o projeto cresça muito!
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Nossa, que projeto legal!
    Se tivesse aqui em São Paulo eu até me poderia me voluntariar para ajudar durante os finais de semana, pois é um projeto bem legal mesmo!
    Beijos,
    Deia!
    Own mine

    ResponderExcluir
  10. Oi Li!
    Acho estes projeto muito legais, pois incentiva muito a leitura e gostaria que tivesse um assim na minha cidade, mas quem sabe não faço um né rs

    Beijos
    http://www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  11. Olá.... eu achei o projeto super bacana.... e gostaria que o daqui da São Paulo fosse ais estruturado... eles criaram um projeto, colocaram uma estante em alguns terminais... mas não está rolando tanto... sabe... pelo menos não no terminal onde passo todos os dias... é uma pena, mas adorei a estrutura do pessoal desse projeto... achei lindo e nessas hras bem que gostaria de dar uma passadinha lá... Xero!

    ResponderExcluir
  12. Uma ótima iniciativa que deveria se espalhar pelo Brasil inteiro.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Projetos assim devem ser super bem apoiados, temos que incentivar a leitura.
    Parabéns a esse professor pela iniciativa.
    Beijos.

    http://literanoni.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Uma iniciativa muito bonita, dá orgulho de ver!

    ResponderExcluir
  15. Achei incrivel esse projeto, quem derá tivesse aqui no Rio!
    E com essa enorme iniciativa, eles estimulam os leitores a lerem mais e a lerem também vários outros livros diversos.

    ResponderExcluir
  16. Que bonito projeto. Acho que a leitura deve ser incentivada sempre, principalmente na infância.

    ResponderExcluir

Quem Escreve

Aline (Li), taurina, 36 anos, turismóloga, paulista de Ribeirão Preto, apaixonada por séries de TV e compulsiva por livros (se estiverem em promoção, então..rs). Amo ler! :)



Colaboradora

Luciana (Lu), Ribeirão-pretana, 31 anos, virginiana e perfeccionista. Cake Design. Danço nas horas vagas por paixão e para relaxar. Amo artesanato, praia, filmes, seriados e claro, livros!

Seguidores

Facebook

Instagram

Editoras Parceiras





Universo dos Livros


Editora Arwen



Astral Cultural


Chiado 

Editora

Butterfly Editora


Mundo Uno Editora

Últimas Resenhas

Total de Visualizações

Acompanhe via E-mail

Classificação

Pesquisar no Blog

Arquivo do blog

Publicidade