quinta-feira, 2 de abril de 2015
32

[RESENHA] Doce Entrega - Maya Banks

Lido em: Março/2015
Título: Doce Entrega
Autor: Maya Banks
Editora: Figurati
Categoria: Literatura Estrangeira / Romance Erótico
Ano: 2014
Páginas: 352
ISBN: 9788567871141
Onde comprar: SubmarinoSaraiva
Skoob
Ótimo!




Sinopse: O policial Gray Montgomery tem uma missão: achar o homem que matou seu parceiro e fazer justiça. Ele, então, encontra uma ligação entre o assassino e Faith – e se Gray precisa se aproximar dela para pegar o assassino, que seja. Faith é doce e feminina, tudo o que Gray deseja em uma mulher. Porém, ele suspeita que ela o está enganando. Quanto a Faith, sem chance de ela permitir que um homem mande na relação. Ou será que há?
Faith vê em Gray o homem forte e dominante de que precisa, mas ele está determinado a não sentir nada por ela. No entanto, ela está determinada a se entregar ao homem certo, e Gray pode ser esse homem. Mas encontrar o criminoso é a prioridade de Gray – até Faith ser ameaçada e ele perceber que fará qualquer coisa para protegê-la.

Biografia: Maya Banks, autora best-seller do New York Times que escreve romances eróticos e de suspense.

*Livro recebido em parceria com a Editora.
Doce Entrega é o livro 1 da Série Sweet.

Gray Montgomery viu seu parceiro, Alex, ser assassinado e está disposto a encontrar o assassino. Vendo que na sua unidade as investigações não andam, Gray, que está de licença,  resolve investigar por conta própria e, por indicação de Mick, pai de Alex, resolve ir para Dallas atrás de uma pista quente. O suspeito é Eric Samuels, que estaria envolvido com uma mulher que não vale nada, Celia Martin.

Faith Malone, filha de Celia, teve uma infância sofrida, cuidando e sustentando a mãe, que não queria saber de nada, só de seus vícios. Um belo dia, Celia tem uma overdose e é socorrida por Faith, que a leva para o hospital. Essa foi a gota d'água que fez com que Pop, ex-marido de Celia, colocasse um ponto final nos abusos dela, e levasse Faith para morar com ele, adotando-a como filha. Faith trabalha na empresa de Pop, junto com Connor, Nathan e Micah, todos são como uma família. Desde que passa a morar com Pop, Faith não tem mais contato nenhum com a mãe, exceto quando Celia a procura atrás de dinheiro.  É atrás dessa pista que Gray vai, quer investigar se Faith tem contato com a mãe, onde Celia está e se realmente está envolvida com Samuels, para assim, chegar ao assassino de seu parceiro.
Então, por indicação, ele começa a trabalhar na empresa de Pop, a fim de começar sua investigação, e assim conhece Faith.

"(...) Os olhares se encontraram e eles ficaram ali parados, suspensos em um eco atemporal." Pág. 103

A atração entre os dois é instantânea e quase palpável.
Desde o início, Gray se encanta com a feminilidade, delicadeza e aparente fragilidade de Faith, o que desperta nele o instinto de protegê-la.

Apesar da atração que sente por ela, Gray tenta de todas as formas não se envolver, para que isso não comprometa sua investigação. Mas chega uma hora que ele não consegue mais resistir e se entrega à atração que sente.

"(...) E pensar em outro homem pondo as mãos nela despertava seu instinto assassino. Não queria nem pensar nos porquês e portantos dessa reação específica." Pág. 110


"Mesmo que vivesse até os cem anos, nunca entenderia os homens. As mulheres eram consideradas os grandes enigmas, mas e os homens? Desgraçados mal-humorados e carrancudos, todos eles. Uma mulher em TPM ainda não se comparava a um homem. As mulheres podiam ter desequilíbrio hormonal uma vez por mês, mas os homens tinham um tipo particular de TPM todos os dias." Pág. 155/156

Sensualidade é uma característica marcante do livro. Fatih e Gray são inflamáveis juntos, pura combustão. Algumas cenas podem ser consideradas um pouco fortes, por isso recomendo a leitura para quem goste de romances eróticos com o tema dominação/submissão.

"-Não faça joguinhos - Gray continuou. - Eu levo você aonde quiser ir, mas tem que estar disposta a chegar lá." Pág. 136


"Sentia-se atraída por Gray em um nível emocional que não entendia completamente." Pág. 175

Sexy, ardente, sedução, atração à flor da pele, entrega, dominação/submissão... um romance quente e intenso!
Doce Entrega tem uma carga emocional como pano de fundo, tanto pelo lado de Faith, com sua infância difícil ao lado da mãe, quanto por Gray, pelo recente assassinato de seu parceiro.

Faith não é o tipo de protagonista sonsa, daquelas que ficam de "mimimi" e "não me toque", pelo contrário, ela tem suas vontades e vai atrás de descobrir o que quer realmente. Lógico que assim como todos nós, ela tem seus receios e medos, mas isso não a torna chata ou irritante.

"(...) O corpo explodiu em um milhão de direções distintas. Pela primeira vez, coração e mente estavam em uníssono com o corpo. Nunca se sentira tão completa. Tão satisfeita. Tão contente. Tão convencida de que era ali que devia estar." Pág. 269


"(...) As pessoas passam a vida toda se escondendo de quem realmente são, vivendo farsas e fantasias sem nunca aceitar a realidade. Quando se rende, quando olha de frente para suas necessidades e seus desejos, você se liberta do pior tipo de amarra. E nada é mais poderoso do que isso. Ou mais corajoso." Pág. 309

Personagens bem caracterizados, com personalidades marcantes: Faith, delicada, determinada e corajosa, carrega um passado triste nas costas, quer um homem que assuma o controle no relacionamento, alguém com quem possa se conectar física e emocionalmente; Gray, másculo, dominador e atencioso,o tempo todo que está com Faith, se preocupa com seu bem estar e nunca vai além do que ela permita; Micah, mulherengo com um jeito cafajeste de ser, que desde o início me chamou atenção é um dos meus personagens favoritos; Pop, é um paizão, preocupado, sempre quer esconder de Faith fatos que possam preocupá-la ou deixá-la triste, em determinado momento, acaba pecando pelo excesso de cuidados; Connor, irmão super protetor; Nathan, apesar de estar sempre atrás de um rabo de saia, tem um lado um pouco "inocente", eu diria; Celia, a mãe, só quer saber de sugar o dinheiro da filha, apronta todas e quando se encrenca corre para Faith para que ela arrume sua bagunça, por culpa dela, Faith passa por muitos apuros.

"-Não sou fácil, Faith. Vou pressionar, exigir de você coisas que talvez não tenha certeza de que quer me dar. Se seguirmos em frente, você vai me dar tudo. Em troca, vou valorizar esse presente. Vou cuidar de cada uma das suas necessidades. Vou cuidar de você." Pág. 223


"Como ele conseguia ser tão completamente gentil e, ao mesmo tempo, provocante, com tanto poder e autoridade? Era inexplicável, mas, com cada movimento, cada toque, carícia, beijo, ele a fazia sentir valorizada, protegida, amada." Pág. 268

Narrado em terceira pessoa, esse foi o primeiro livro que li da Maya Banks. Adorei sua escrita, é bem detalhada, sem se tornar cansativa, pelo contrário, a leitura flui. Definitivamente a mistura de romance erótico com uma dose de suspense policial foi uma fórmula que funcionou muito bem, a autora soube criar um enredo fascinante sem deixar pontas soltas e com um desfecho perfeito. Doce Entrega foi uma leitura rápida, agradável e envolvente.

Diagramação simples, fonte e espaçamento em bom tamanho possibilitando uma agradável leitura, ótima revisão. Excelente trabalho da Editora!



Mais do que recomendado para quem gosta de livros hot!

Beijos.








32 comentários:

  1. Gostei muito da resenha, principalmente por saber que a protagonista não é apenas mais uma daquelas personagens mimizentas que passam a narrativa toda se lamentando pelo o que aconteceu. Muito bom saber que ela é determinada, mesmo com seus anseios. Gostei muito da premissa. Fiquei morrendo de vontade de fazer a leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Ola Li ainda não li nada da Maya mas leio sempre ótimos elogios, estou com esse livro e proteja-me para ler . adorei a premissa desse livro ainda mais com essa carga emocional, misturada com toda sensualidade característica dos livros da Maya. Irei ler em breve. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Que bom que gostou da leitura, pelo que li da resenha ela pareceu que nos prende na história, fiquei interessada pela parte de investigação, a parte erótica eu fugo um pouco haha, me pareceu ser uma boa história, a capa é tão bonita <3 Está de parabéns pela resenha :)
    Feliz doce páscoa *-*
    http://www.doceliterario.com/

    ResponderExcluir
  4. Que capa feia '-' Desculpa, mas eu achei bem feinha '~'

    Maaas... o conteúdo compensa! Achei chamativa a sinopse, assim como o próprio título, e adorei sua resenha!

    Confesso que curto sim uma leitura hot de vez em quando, como Belo Desastre, mas o enredo desse livro é supeer chamativo *---*

    Feliz páscoa!

    http://leiturasilenciosaoficial.blogspot.com.br

    P. S. Vai ter TOP COMENTARISTA esse mês no LS! Válido a partir da próxima Segunda \õ/

    ResponderExcluir
  5. Olha achei a história do livro super interessante, até porque eu adoro uma investigação, mas não é um gênero no qual estou lendo atualmente, mas em breve quem sabe.
    Eu adorei a maneira como você se expressou na resenha, porque me chamou bastante atenção e espero ter a oportunidade de fazer a leitura, porque fiquei bastante curiosa com os acontecimentos =]

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/04/the-book-jar-parte-4.html

    ResponderExcluir
  6. Gostei do tema da história, porém não é um livro que me prende ao ler!!!
    Mas devo te parabenizar pela resenha, que com sua empolgação ao falar do livro e da trama entre os personagens deixa quem está lendo curioso para ler mais do livro e tal.
    T.T
    Beijos
    http://www.miissperfection.com/2015/03/look-animado-rpaf.html

    ResponderExcluir
  7. Não gostei muito do livro, mas sua resenha foi super boa, parece que ele tem algo interessante, talvez eu de uma chance *-*

    http://geekcorderosa.blogspot.com/2015/03/torchwood-uma-serie-derivada-de-doctor.html

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho uma leitura da Maya Banks pra fazer nesse mês de Abril. Confesso que o tema erótico não me atrai nem um pouco, mas como a autora tem sido muito elogiada na sua escrita, eu realmente tenho dado um pouco mais de atenção aos livros dela lançados no Brasil. Vou adicionar esse as listas de leitura.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    eu amo os livros da Maya Banks. Pra mim ela escreve muito bem.
    Eu adorei essa história, a capa é muito bonita e quero muito ler.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. gostei da resenha embora o livro em si nao me interessou, nunca li nada da autora ainda espero ler um algum dia a apesar de livros hot na me chamar muito atençao

    ResponderExcluir
  11. Saudações Lady Aline,
    Qual melhor lugar para se conhecer livros hot que o "Literalizando Sonhos"?
    Gostei bastante da resenha e talvez me arrisque quando estiver mais familiarizada com o universo erótico, estou indo aos poucos, com passos de formiga...

    Venha visitar o Castelo
    Att
    The Queen’s Castle, Ana P. Maia ♛

    ResponderExcluir
  12. Apesar do gênero não ser o meu forte, gosto de ler alguns eróticos para sair da minha zona de conforto e gostei da premissa de Doce Entrega, fiquei curiosa sobre esse mistério em torno do assassinato e também para saber mais sobre o romance dos persogens, realmente chamou minha atenção a história, e olha que são pouquissimos do gênero que aposto a leitura e isto deve-se ao fato da sua ótima resenha, Aline, gostei mesmo!

    http://www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Acredito que não compraria o livro, a primeira vista. Não gostei da capa e o título não me chama a atenção.
    Mas depois de ler sua resenha, confesso que fiquei curiosa. Gosto muito quando há um suspense - que parece existir por conta do assassinato - e também gosto de romance. O fato da protagonista não ser sonsa também é ótimo! Odeio personagens sem graça.
    Beijos,
    Deia!
    Own mine

    ResponderExcluir
  14. Não curti muito a capa mais o que importa é o conteúdo, a sinopse me chamou atenção, eu amo historias envolventes e essa parece ser uma delas. <3 http://papo-da-viana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Aline !
    Então a capa é meio vulgar , mas a história em si parece bem legal . Me recorreu um pouco cinquenta tons de cinza kkkkk acho sla´Gray . Bem , pretendo ler quando minha lista de livro de 2015 diminuir . :)
    Beijos

    Letícia
    Nossas Paixões Ops' Nossos Livros

    ResponderExcluir
  16. Oiee

    Apesar de ultimamente estar lendo livros mais hot esse acho que não iria me agradar tanto, eu ganhei o segundo volume no encontro da editora e apenas uma folheada que dei não gostei de tantas passagens hot que vi rrsrs posso estar enganada mas por agora não leria.

    Beijos

    www.livrosechocolatequequente.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi Li...
    Gostei muito do livro e da resenha.
    Eu ainda não o conhecia bem. E adoro um bom livro policial. Gostaria de ler.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Não conhecia o livro, mas amei capa,sinopse e principalmente a sua resenha.
    Apesar de ter a pegada meio hot eu o leria com certeza, porque tem uma boa trama policial aí.
    Anotei a dica.

    bjs

    ResponderExcluir
  19. Olá! Interessante esse livro erótico misturar elementos do gênero policial. Mas como não curto e não leio literatura erótica, irei passar essa leitura adiante. ;)

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Vi que alguns parceiros receberam esse livro, mesmo uma leitura um tanto gostosa de ler, não me interessei pelo livro, não é daqueles que está na minha zona de conforto, porém, estou lendo um livro desse estilo "Fingindo" e estou amando demais HAHAHA. A sua resenha foi bem interessante e vou passar para as pessoas que apreciam o gênero!

    Beijos,
    http://umgrandevicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oie!
    Maya Banks, amo de paixão!
    Essa é uma das séries da autora que eu anotei e que gostaria muito de ler (tinha visto a capa no skoob, mas a editora era desconhecida pra mim), e agora sua resenha me deixou com ainda mais vontade. Adoro livros hot, e esse pareceu ter algum diferencial mesclando a investigação e o lado policial.
    Já está na listinha!
    Beijos

    Paradise Books

    ResponderExcluir
  22. Maya Banks classificada com ótimo não é novidade hahaha Essa é uma das séries dela que me interesso muito mas ainda não tive a oportunidade de ler. Gosto bastante do fato de, além de ser um romance hot, ter essa pegada policial que deve dar uma emoção maior na hora da leitura.

    ResponderExcluir
  23. Achei a história do livro super interessante, até porque eu adoro uma investigação mas essa mistura erótica não chama muito minha atenção não.

    ResponderExcluir
  24. Olá, tudo bem?
    Achei o enredo muito bacana, me chamou bastante atenção porque é um dos meus generos favoritos!!
    Já me falaram muito bem da autora, que os livros dela são ótimos, mas ainda não tive oportunidade de ler nada dela!
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  25. Oi Li,

    não curto muito esses livros com uma pegada mais sensual. Mas, apesar disso, eu adoro um suspense policial. Quem sabe eu não dê uma chance mais para frente?!

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  26. A escrita da autora é marcada pela sensualidade e esse livro é um ótimo exemplo do que podemos encontrar na maioria dos livros, mas ela também tem seus diferenciais e vamos conhecendo um pouco deles a cada livro. Já li essa série e gosto bastante do modo como autora abordou o tema.
    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  27. Oi flor, tudo bem??

    Eu gosto de alguns livros hot... mas esse me deixou um pouco com receio porque você falou de dominação e submissão... não tenho lembrança boas de leitura com essa temática inclusa nos livros hot... li um livro bem ruim... não gostei nenhum um pouco.... mas pode ser que esse tenha, mas que não seja tão profundo assim... pelo menos foi o que eu percebi... vi que a família se faz presente para a protagonista e gostei dessa parte... xero!

    ResponderExcluir
  28. Ai sim. Detesto aqueles livros em que a protagonista é bobona. Bom saber o quanto esta é diferente. Dá até vontade de ler um livro assim. Mas admito que não gosto muito dessas coisa de dominação e tals, mas vou dar uma chace ao livro pra saber.

    ResponderExcluir
  29. Oi, tudo bem?

    Eu tinha visto um pouco sobre esse livro quando foi lançado, não tinha me interessado muito, mas agora que li a resenha eu gostei do enredo. Vou ler :)

    Ainda não li nada da Maya Banks, mas espero gostar do livro também.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Noossa esses livros de investigação tem sempre um ponto a mais comigo haha Sua resenha esta ótima, instiga a nossa curiosidade! Parabéns Li! Beijos :D

    ResponderExcluir
  31. Nunca li nada da Maya até por que os livros dela são hot, também nem tenho idade para le-lo mas mesmo assim não leria pois não curto muito esse tipo de livro mais ok.
    O livro parece ser incrivel, instigante e super envolvente.. mas não vou le-lo!

    ResponderExcluir
  32. Nao conhecia a autora e também não gosto muito do gênero.

    Abs

    ResponderExcluir

Quem Escreve

Aline (Li), taurina, turismóloga, paulista de Ribeirão Preto, apaixonada por séries de TV e compulsiva por livros (se estiverem em promoção, então..rs). Amo ler! :)



Colaboradora

Luciana (Lu), Ribeirão-pretana, virginiana e perfeccionista. Cake Design. Danço nas horas vagas por paixão e para relaxar. Amo artesanato, praia, filmes, seriados e claro, livros!

Seguidores

Facebook

Instagram

Editoras Parceiras





Universo dos Livros


Editora Arwen



Astral Cultural


Chiado 

Editora

Butterfly Editora


Mundo Uno Editora

Últimas Resenhas

Total de Visualizações

Acompanhe via E-mail

Classificação

Pesquisar no Blog

Arquivo do blog

Publicidade