terça-feira, 30 de maio de 2017
11

[RESENHA] A Garota do Calendário - Março - Audrey Carlan

Lido em: Abril/2017
Título: A Garota do Calendário - Março
Autor(a): Audrey Carlan
Editora: Verus
Gênero: Romance erótico
Ano: 2016
Páginas: 144
ISBN: 9788576865186
Onde comprar: Saraiva  ||  Amazon
Skoob



Sinopse: Mia vai passar o mês de março em Chicago com o empresário Anthony Fasano, que a contrata para fingir ser noiva dele. A princípio Mia não entende por que um homem tão lindo e másculo precisa de uma falsa noiva.

Biografia: Audrey Carlan escreve histórias de amor criadas para proporcionar aos leitores uma experiência sexy e romântica. Além de A garota do calendário, ela é autora das séries Falling e Trinity. Seus livros já figuraram nas listas de mais vendidos de jornaus como New York Times, Washington Street Journal e USA Today.
Audrey mora na Califórnia com o marido e dois filhos. Quando não está escrevendo, ela gosta de praticar ioga, tomar uma taça de vinho com as amigas e ler romances picantes.






Anthony Fasano é o homem do mês. Rico, charmoso, poderoso, um verdadeiro deus grego. Mia se interessa por ele à primeira vista. Porém, as coisas não acontecem bem como Mia imaginava e uma nova situação se apresenta diante dela.

"(...) Puta merda, era bom demais para ser verdade. Era como uma mão cheia de ases no pôquer." (p. 28)

"(...) No fim das contas, amor era amor, e ninguém pode escolher por quem se apaixonar, nem saber quanto tempo esse sentimento vai durar." (p. 58)

A cada livro Audrey Carlan vai nos apresentando um pouco mais da personalidade de Mia. O que nos permite uma conexão ainda maior com a protagonista, como se estivéssemos mesmo conhecendo alguém. Em março, Mia se revela ainda mais atenciosa e amiga.

Tony, apesar de simpático, é bastante fechado. De certa forma, a interferência de Mia irá ajudá-lo a tomar a mais importante atitude de sua vida.

Neste livro temos uma maior participação dos personagens secundários, como por exemplo Hector, um latino, amigo de Tony desde a época da faculdade; e Angelina, irmã de Tony. Aliás, toda a família dele, irmãos e a mama, a típica família italiana, são fundamentais para a história.

Com narrativa em primeira pessoa, A Garota do Calendário - Março nos apresenta mais um mês na vida de Mia. A autora consegue me surpreender a cada livro da série, por inserir elementos que rendem uma boa dinâmica à história. Diferente do que imaginei quando comecei a ler os livros, as histórias não são somente sobre Mia, um bonitão rico e as loucuras e fantasias que ela irá viver como acompanhante. Sim, isso também acontece. Mas não é só isso. No caso de março, temos uma situação onde o foco não é o envolvimento de Mia e seu acompanhante, e sim uma questão pessoal dele. E isso nos permite conhecer melhor a própria protagonista, suas atitudes diante da situação, a maneira como ela se envolve e como lida com tudo.

"(...) Eu aprendi muito com os dois. A não ter medo, a nunca deixar que outra pessoa escolha como minha felicidade deve ser." (p. 118)

O melhor de tudo foi poder ter a presença de Wes, que reapareceu na vida de Mia e com ela protagonizou cenas muy calientes. Foi ótimo poder ver esses dois juntos de novo, afinal Wes continua sendo meu favorito. ♥

"- Eu nunca vou deixar você esquecer o que pode ter. O que está te esperando." (p. 103)

"(...) Talvez, se o destino quisesse, daqui a nove meses seria o tipo de amor para sempre.
Mas hoje não." (p. 105)


A Garota do Calendário - Março marca mais um capítulo na vida de Mia, fazendo com que ela viva algo diferente do habitual, mas que irá lhe proporcionar novas amizades, além de momentos divertidos.

A capa é linda e segue o padrão da série, assim como a edição, com páginas amareladas, boa fonte e espaçamento.



Beijos. ;)





11 comentários:

  1. Oi Li, tudo bem?
    Eu sempre faço uma lista de prós e contra dessa série e mesmo ela sendo tão querida por diversos leitores eu ainda não me vi convencida por Mia, os personagens passam um imagem de perfeição em excesso, posso estar enganada. Mas me agrada saber que a personalidade de Mia é explorada aos poucos, o que acredito que deixa a leitura um pouco menos massante.
    Adorei as suas fotos e sua resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline não comecei esta série ainda. apesar da minha curiosidade, fico um pouco com o pé atrás se a autora conseguirá manter o bom ritmo das histórias. Fico feliz que você esteja gostando, espero que seja assim comigo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. OI, ainda li li esse livro mas me interessei muito, já havia ouvido falar nos outros livros da autora que são bem famosos por sinal, mas também não li por não ser meu gênero de leitura, mas as histórias parecem ser ótimas. Gostei da resenha, beijos.

    ResponderExcluir
  4. Definitivamente essa é uma série que eu não leria. Não gosto do gênero, e nem da ideia de uma série de 12 livros para acompanhar, mesmo que sejam curtinhos.
    Dessa vez vou passar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá! Tudo bom?
    Nossa sempre me deparo com essa série , contudo nuca havia lido uma resenha sobre ela, parece ser muito boa, parabéns por sua resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. oi tudo bem
    estou lendo um livro desta serie por mes
    e ja li este confesso que foi o que mais gostei pois tratou de um tema diferente não so do romance como no de jan e fev
    achei o tema que foi abordado muito legal e me trouxe uma visão diferente

    ResponderExcluir
  7. Oi Aline!
    Essa é uma série que não fiz muita questão de ler. Gosto demais de livros hot, mas a premissa dela não me chamou atenção, sabe? Tenho amigas que leram e viciaram, mas mesmo assim não rolou uma química entre eu e ela.
    Fico feliz que tenha gostado desse terceiro livro. Já ouvi falar muito bem do Wess, pelo visto ele fez sucesso nesse livro, heim? Hahahaha
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oii, tudo bem?
    Cada vez mais eu tenho visto resenhas dessa série, e devo dizer que estou bem intrigada para poder conhecer a Mia e esse homens quentes que ela tem como clientes. Com certeza a série inteira está na listinha.

    ResponderExcluir
  9. já levei altos spoilers sobre o enredo e se tivesse acompanhando a serie, certamente teria desistido por causa deles, por tirar o elemento surpresa... mas como nao tive interesse em ler, saber a trama não mudou muita coisa... realmente é algo inusitado para a protagonista o lance com esse Tony...
    bjs...

    ResponderExcluir
  10. Oi, desde que se inciou o frisson dessa série pela blogosfera eu fiquei curiosa em fazer essa leitura, mas mesmo tendo alguns no kindle, ainda não parei para ler, mas espero faz^-lo assim que a minha pilha de leituras diminuir e espero gostar tanto quanto você. Beijoos

    ResponderExcluir
  11. Bem, esse não é um gênero de livro que eu curta muito, porém vejo muita gente falando bem dos livros dessa série, até me deixa curiosa para ler haha , parabéns sua resenha está incrível.!

    ResponderExcluir

Quem Escreve

Aline (Li), taurina, turismóloga, paulista de Ribeirão Preto, apaixonada por séries de TV e compulsiva por livros (se estiverem em promoção, então..rs). Amo ler! :)



Colaboradora

Luciana (Lu), Ribeirão-pretana, virginiana e perfeccionista. Cake Design. Danço nas horas vagas por paixão e para relaxar. Amo artesanato, praia, filmes, seriados e claro, livros!

Seguidores

Facebook

Instagram

Editoras Parceiras





Universo dos Livros


Editora Arwen



Astral Cultural


Chiado 

Editora

Butterfly Editora


Mundo Uno Editora

Últimas Resenhas

Total de Visualizações

Acompanhe via E-mail

Classificação

Pesquisar no Blog

Publicidade