segunda-feira, 21 de setembro de 2015
33

[RESENHA] Para Continuar - Felipe Colbert

Lido em: Setembro/2015
Título: Para Continuar
Autor: Felipe Colbert
Editora: Novo Conceito
Categoria: Literatura Nacional / Romance
Ano: 2015
Páginas: 224
ISBN: 9788581637952
Onde comprar: Submarino  | Saraiva
Skoob
Muito bom!




Sinopse: Envolver-se com a jovem Ayako é a oportunidade perfeita para Leonardo César esquecer a sua vida tediosa e perigosamente limitada, tudo por culpa do seu coração defeituoso.
Enquanto isso, com a ajuda de seu avô, Ayako tem a difícil missão de manter inacessível um porão de dimensões que vão além da loja de luminárias que ela gerencia, repleto de milhares de lanternas orientais, cujo mistério envolve os habitantes do bairro da Liberdade.
A partir dos crescentes encontros entre Leonardo e Ayako, uma nova lanterna surgirá para os dois. Eles terão que protegê-la com afinco, ou tudo que construíram juntos poderá desaparecer a qualquer momento.
O que ninguém conseguiria prever é que Ho, um jovem chinês também apaixonado por Ayako, colocaria em risco o futuro desse objeto. E com ele, o sentimento mais importante que dois seres humanos já experimentaram.

Biografia: FELIPE COLBERT é autor de quatro livros, palestrante e estruturador de romances. Possui trabalhos publicados no Brasil e na Europa. Carioca, atualmente vive na cidade de São Paulo com sua esposa e filho.

*Livro cedido em parceria com a Editora.



Leonardo é um jovem de vinte anos, cursa Design Gráfico e sofre de uma séria doença do coração. Ayako mora com o avô, nos fundos da loja de luminária, desde que seus pais morreram. Ela tem uma missão: não permitir o acesso de ninguém ao porão da loja, onde estão milhares de lanternas orientais. Ela precisa manter em segredo o mistério das lanternas. Somente o avô e ela sabem da existência do que há no porão.

Leonardo se interessou por Ayako desde a primeira vez em que a viu no metrô. Chegaram a trocar poucas palavras, mas ela foi embora sem que ele ao menos soubesse seu nome. A partir desse dia, Leonardo passa a pegar o metrô sempre no mesmo horário, com a esperança de encontrá-la novamente, e um dia ele a encontra. Mas ainda inseguro quanto a falar com ela, quando ela desembarca na Estação Liberdade, ele a segue de longe e vê que ela entra em uma loja de luminárias. Disposto a falar com ela, vai até a loja, se apresenta, e apesar de achar estranho ele a ter seguido, começam a conversa. Porém Ho, um chinês amigo da família de Ayako e apaixonado por ela, chega e atrapalha, inclusive causando confusão ao ver Leonardo
Mas isso não impede que Leonardo volte algumas vezes lá, e conforme vão se conhecendo, começam a se envolver.

"(...) Ao mesmo tempo em que umas se apagam, outras surgem, brilhantes e iluminadas. Cada uma delas com um significado. Cada uma delas contando uma história." Pág. 17

"(...) Posso não enxergar o fogo, mas sei que estou pisoteando descalço em cima das cinzas quentes." Pág. 66

Ayako dedica seu tempo à loja e ao avô doente. Leva muito a sério sua missão de manter o segredo das luminárias. É delicada e ao mesmo tempo forte. 
Leonardo, apesar das limitações por conta de sua doença, é determinado e sabe o que quer. Porém, em alguns momentos, sua insegurança fala mais alto.
Os dois são diferentes mas ao mesmo tempo tão parecidos. E se completam como peças únicas de um quebra-cabeça.

"(...) Eu abaixo sua mão e entrelaço meus dedos nos dela. Não sei se ela sabe, mas é um sinal de que desejo entrelaçar nossas almas, junto." Pág. 108

"(...) posso sentir a intensidade das emoções que trocamos nesse instante, como se elas fossem tão materiais quanto as lanternas." Pág. 179

É encantadora a maneira como o romance deles se desenvolve. A sinceridade e delicadeza dos sentimentos dos dois, a maneira como lidaram com tudo, apesar de todas as dificuldades, é linda a maneira como se envolvem.

Personagens secundários com personalidades únicas e marcantes: Nelson e Suzy, pais de Leonardo, protetores e preocupados; Penken, melhor amigo de Leonardo; Ho, apaixonado por Ayako; Kong, primo de Ho; Malu, ex-namorada de Leonardo; avô de Ayako, um sábio Sr.

"(...) as lanternas brilhantes formam uma grande rede de estrelas no teto, convidando-a para um passeio através dos olhos, no único lugar do mundo onde a vida põe a realidade de lado e torna-se uma fantasia inflexível." Pág. 117

"(...) - Nós enxergamos os defeitos alheios panoramicamente; o difícil é vermos as nossas próprias falhas." Pág. 136

A narrativa é intercalada, sendo em primeira pessoa pela visão de Leonardo, e em terceira pessoa quando o foco é Ayako. Com uma escrita leve e envolvente Felipe Colbert criou uma linda e mágica história. Uma narrativa quase poética, que prende e encanta com a simplicidade com que a história é contada. E os capítulos curtos fazem com que a leitura flua de maneira agradável.

Emocionante, intensa, encantadora! Para Continuar é uma história com todos elementos para conquistar os amantes de uma linda história de amor!

O final é lindo e emocionante. Quando achei que terminaria de um jeito, Felipe me surpreendeu. Foi uma sacada genial do autor, confesso que adorei!

Outra coisa que gostei bastante em Para Continuar foi poder conhecer um pouco da cultura japonesa e do bairro da Liberdade em São Paulo. Com uma escrita rica em detalhes, é como se estivéssemos presente e conhecendo os locais. Ainda não conheço, mas sempre quis muito conhecer o bairro da Liberdade, ainda mais agora após a leitura do livro. 

A capa é maravilhosa! Páginas amareladas, ótima fonte e em bom tamanho. O início de cada capítulo é decorado com lanternas orientais, que deu um charme a mais à edição. Mais um excelente trabalho da Novo Conceito.

Recomendado!







Beijos. :)








33 comentários:

  1. oiiii
    Me parece ser um livro muito bom,vou estar tentando ler ele.to louca para ver como ele escreveu sobre a cultura japonesa em são paulo.
    Amei a resenha,parabéns

    ResponderExcluir
  2. Já vi várias resenhas desse livro e várias pessoas falando dele! Quero muito ler e não vejo a hora.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  3. Oi. Acho que é a segunda resenha que vejo desse livro, confesso que não curti a ideia. Na verdade, já conheço a escrita do autor e não sou muito apreciadora do estilo.

    ResponderExcluir
  4. Eu estou apaixonada por esse livro, já estava encantada com a capa. Mas a história parece igualmente maravilhosa ♥♥♥

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Nossa...estou aqui suspirando só de imaginar como é a história!
    A capa assim que eu vi já me apaixonei!!!! E agora lendo a sua resenha, quero ler com certeza...parece ser um romance bem doce...contando a tradição Japonesa que adoro!
    E o book trailler?! Ahhhhh...que amor!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  6. Flor, adorei ler a sua opinião sobre esse livro. Eu tenho especial carinho pela cultura japonesa e, confesso, o que mais me agradou nessa obra é a proposta do autor em apresentar um pouco a realidade dos imigrantes japoneses no Brasil. O romance em si, não sei, não me encantou… Mas parece ser muito belo e emocionante pelo que você citou, portanto, não vou subestimar (rs).

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, tenho vontade de ler algo do autor desde que vi o lançamento do último livro dele.Este livro está com a capa linda, confesso que foi o que me chamou a atenção, mas lendo uma resenha anterior dele e a sua, me animei mais pra lê-lo.História com descrições ricas, com culturas diferentes sempre me atraem,espero conseguir lê-lo logo.

    ótima resenha.

    bjs

    ResponderExcluir
  8. Esse livro além de ter uma história linda, ele é quase didático. Fala mais sobre uma cultura diferente, mas tão inserida na nossa. To bem ansiosa pra ler essa história!

    ResponderExcluir
  9. Oii!
    Tenho muita curiosidade pela escrita desse autor. Estou ansiosa para conhecer suas histórias e espero gostar tanto quanto tenho ouvido as pessoas falarem.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá, eu estou com esse livro para ler aqui na minha estante mas não tive tempo ainda, parece ter uma história incrível, eu não vejo a hora de pegar ele e conferir!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    A premissa desse livro me atrai e pela sua resenha, preciso ler! Adoro livros com finais surpreendentes, já quero =)
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi Li, tudo bem?
    Vi esse livro entre os lançamentos da Novo Conceito e confesso que ele não tinha chamado muito minha atenção, mas lendo sua resenha me vejo interessada em conhecer essa história.
    A história de amor do livro parece muito encantadora e linda e eu adoro conhecer novas culturas!

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Li!
    Gosto de romances e mistérios, e aprecio a literatura nacional, mas confesso que o mistério das lanternas não despertou minha curiosidade, nem as personalidades dos personagens despertou meu interesse em ler Para continuar.
    Mas a edição tá linda com as lanternas orientais no início de cada capítulo, sem falar na capa belíssima.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  14. Oi
    Eu já li outro livro do Felipe e sua narrativa é muito boa.Um dos motivos de eu querer ler esse livro,além da escrita dele,é exatamente pelo lugar em que ele se passa,sempre tive curiosidade com o Bairro da Liberdade.Os personagens parecem cativar e espero que o final também me surpreenda.

    ResponderExcluir
  15. Eu achei a capa muito bonita,já tinha visto a capa desse livro e ouvido falar dele.Parece ser uma estória muito bonita. Eu já fui no bairro liberdade quando fui visitar umas amigas minhas em são paulo. Muito legal lá.

    ResponderExcluir
  16. oie como vai?
    esse livro ta na minha lista de desejados mas ainda sim confesso ter receio da leitura por estar colocando expectativas demais.

    ResponderExcluir
  17. Oi Li!
    Todos estão tecendo mil elogios a esse livro. Até agora li pouco mais de 100 páginas e estou achando um pouco mais do mesmo com relação ao romance previsível e ao personagem chato! Mas, quem sabe mais para frente o livro não me surpreenda positivamente e ganhe mais espaço no meu coração, não é?! E posso dizer que o autor sabe muito bem narrar a Liberdade! Conheço bem aquele lugar e o Felipe narra com maestria cada canto do bairro!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  18. Oi ! Tudo bem?

    Já li outras resenhas sobre esse livro e fico feliz que tenha gostado e recomendado! Espero ler em breve mas sabe quando a fila está grande? Então a minha está enorme.

    Abraços,
    Ludy
    http://nodivacomaspalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oie!Faz um tempo que adicionei esse livro nos meus desejados, achei o enredo simplesmente encantador e não vejo a hora de poder comprá-lo!
    Beijo
    Mila-Scraplivros

    ResponderExcluir
  20. Oi eu li o livro há um tempinho atrás, mas infelizmente a história não me surpreendeu, bem pelo contrário no meio eu já havia matado o que iria acontecer no final e isso enfraqueceu um pouco a narratiiva pra mim, mas ainda assim curti bastante.
    beijos

    ResponderExcluir
  21. Preciso dizer que amei a edição e a capa, por passarem uma delicadeza incrível. Gostei muito da possibilidade de conhecer uma cultura tão diferente da nossa através dessa leitura e é claro que o mistério já me deixou curiosa. Ainda não tinha visto nada sobre o livro, mas já quero!

    ResponderExcluir
  22. oi ^^ eu adoro quando o livro tem uma boa base cultural e só por causa da cultura japonesa já fico mais animada pq gosto muito.
    gstei da sua opinião positiva, espero gostar da leitura quando for ler.

    ResponderExcluir
  23. Menina, eu tenho Belleville aqui e não li ainda. Falam muito bem da escrita do Colbert e pelo que estou vendo, ele não errou a mão neste livro.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  24. Li, o Felipe Colbert me impressionou com seus livros e a descoberta de sua origem brasileira nesse último mês. Havia me encantado com Belleville sem saber que era nacional e agora me encanto com os bons comentários feitos para o livro Para Continuar.

    ResponderExcluir
  25. Não imaginava que a história era tão intensa.
    E só agora eu entendi o motivo do livro ser cheio de lanternas orientais.
    Fiquei curiosa para saber o segredo.
    Amei sua resenha e MEU DEUS quero esse livro para mim

    ResponderExcluir
  26. Que marcador lindoo haha, e também achei a capa desse livro linda, como é uma história de amor fiquei super interessada pelo livro e depois de ler sua resenha super positiva sobre a história e descobrir que o livro é surpreendente, adicionei ele em minha lista de leituras, pretendo lê-lo em breve.

    ResponderExcluir
  27. Oi, tudo bem?
    Eu sou apaixonada por tudo que é relacionado a cultura oriental, por isso fiquei bem animada ao saber que esse livro aborda um pouco essa cultura, além disso a premissa é bem interessante e amei essa capa. Enfim, parece ser um livro bonito e que com toda a certeza me agradaria muito, por isso marquei a dica.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Quando vi em lançamento, não havia lido a sinopse, porém achei a historia interessante. Fiquei curiosa em questão das lanternas que Ayako escondia, e também o por que são tão importantes. Triste por saber desta doença de Leonardo.

    ResponderExcluir
  29. Oi!
    A primeira coisa que me chamou atenção no livro foi a capa e ao ler a resenha me interessei ainda mais pelo livro, fiquei muito curiosa sobre esse mistério da lanternas e gostei muito dos personagens se tiver oportunidade quero ler esse livro !!

    ResponderExcluir
  30. Olá tudo bem?

    Achei interessante a história de Leonardo e Ayako, ver que um dos cenários é o bairro da Liberdade é muito legal, tive a oportunidade de conhecer o bairro e fiquei apaixonado por tudo lá!
    Realmente o Felipe Colbert tem o dom de escrever romances super interessantes.

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  31. Essa história parece ser muito fofa, os dois personagens devem ser um encanto. Só espero que o outro rapaz que é apaixonado pela protagonista seja só da parte dele,sem triângulo amoroso please kk.

    ResponderExcluir
  32. Eu sie que fui eu, mas não consegui me conectar coim a história. Fico feliz que tenha funcionado pra vc ^^
    Mas além de qq coisa, do romance o que eu achei muito digno foi a capa. É linda de morrer.
    Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  33. Eu acho a capa dele linda e todo mundo parece amar ele. Ta na lista, la no topo, depois da sua resenha.

    ResponderExcluir

Quem Escreve

Aline (Li), taurina, turismóloga, paulista de Ribeirão Preto, apaixonada por séries de TV e compulsiva por livros (se estiverem em promoção, então..rs). Amo ler! :)



Colaboradora

Luciana (Lu), Ribeirão-pretana, virginiana e perfeccionista. Cake Design. Danço nas horas vagas por paixão e para relaxar. Amo artesanato, praia, filmes, seriados e claro, livros!

Seguidores

Facebook

Instagram

Editoras Parceiras





Universo dos Livros


Editora Arwen



Astral Cultural


Chiado 

Editora

Butterfly Editora


Mundo Uno Editora

Últimas Resenhas

Total de Visualizações

Acompanhe via E-mail

Classificação

Pesquisar no Blog

Arquivo do blog

Publicidade